terça-feira, 23 de junho de 2009

Kupala

Um soneto para celebrar o dia de Kupala neste mês de junho.

The snow is melted, it’s a holy day:
The spring season is about to leave,
The warm sun’s bringing the joy to live
And all ancient woe is carried away.

Burned many fires and praised Svarog
When the dusk came colder and sad,
Now the snow is melted, the spring’s fled
And the first golden rays cut through the fog.

The season of harvest, growth of the seed,
The feast to the goddess, the wine and mead,
Life’s being brought by Her crystal stream.

Who makes our existence an easier strife:
Slav’sia Kupala – The mother of life,
Slav’sia Kupala – The pagan’s sweet dream.

3 comentários:

  1. Gui, esse é a sua cara. Mais do que os outros, diria.
    Parabéns, ficou lindo! E mal posso esperar pra ouvir você recitando esses todos!

    ResponderExcluir
  2. olha, não te conheço, mas é um ótimo texto. se isso for a sua cara, continue fazendo o que você é!

    ResponderExcluir
  3. Não diria que é a minha cara, mas que é apenas uma das várias expressões que ela esboça.

    ResponderExcluir